Última Marcha

Motos da Harley-Davidson ganham controle de tração e outras “modernidades”

Tecnologia nunca foi muito a vibe da Harley-Davidson. Me refiro a esses equipamentos hightech, sabe? Tipo controle de tração, modos de pilotagem e por aí vai. Tudo isso sempre pareceu moderno demais, também, para os fãs mais conservadores das motos norte-americanas.

Dentro desse dilema, já jogo minha opinião. Eu até gosto da pilotagem “old school” defendida pela Harley ( motor vibrando, conexão com a moto etc). Mas estilo e segurança podem rodar juntas, sim. Mesmo que você seja o melhor piloto do mundo, uma hora ou outra, a tecnologia pode salvar a sua pele. E isso, meu amigo, não tem preço.

Harley-Davidson do Brasil/ Outra Perspectiva

Como os tempos são outros e a Harley Davidson precisa construir uma nova legião de pilotos, ela mudou um pouco de direção e lançou o Reflex™ Defensive Rider System (RDRS). Esse pacote, disponível de série nas famílias Touring e CVO, inclui vários sistemas de assistência à pilotagem.

A lista de equipamentos começa com o controle de tração pra evitar que a roda ligada à transmissão gire mais do que o necessário, principalmente em pistas escorregadias, e faça você “perder a traseira”. Somam-se ao conjunto os freios ABS de curva com distribuição de força entre as rodas, 3 modos de pilotagem (Padrão, Chuva e Desligado), assistente de partida em rampa e monitoramento da pressão dos pneus. Em um Test Ride de quase 300 km, pelas bem cuidadas rodovias do estado de São Paulo, eu pude testar essas novidades e te falo uma coisa: elas deixam qualquer viagem mais agradável – melhor ainda se você estiver no comando de uma Road Glide Limited ou de uma Ultra Limited.

“Para 2020, a Harley-Davidson oferece aos motociclistas uma série de novos modelos, equipamentos e acessórios utilizando a nossa inigualável capacidade de combinar estilo, desempenho e tecnologia em produtos criados para elevar a experiência de motociclismo a um novo patamar”, disse Jeff Strunk, diretor do portfólio de produtos do consumidor da Harley-Davidson.

Como um vídeo fala mais do que mil palavras, confira todas as novidades nesse vídeo.

Testamos o controle de tração e outras novas tecnologias da Harley-Davidson

Nova ovelha negra na família

A Harley-Davidson aproveitou o evento para deixar jornalistas de todos os cantos do Brasil avaliarem a Low Rider S. Uma legítima Club Bike com fortes inspirações no life style californiano da década de 1980 e pilotagem agressiva. Além de um chassi Softail® mais moderno e da suspensão dianteira invertida, a moto conta com o motor Milwaukee-Eight® 114 de 16,1 kgfm de torque. Números suficientes pra te fazer sorrir em qualquer rotação ou velocidade. Precisou fazer uma ultrapassagem, é enrolar o cabo e partir pro abraço.

Nova Low Rider S – Harley-Davidson do Brasil/ Outra Perspectiva

Já falando de design, a Low Rider S tem guidão alto, carenagem sobre o farol de led, rodas em alumínio escurecidas, além de um banco baixo e individual. É pra quem gosta de curtir a liberdade sozinho mesmo. E se você inventar de arrumar um espaço para o garupa, não vai ficar legal. O brinquedo, já disponível para Test Ride nas concessionárias, pode ser seu por R$ 73.600.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Comentários