Última Marcha

(VÍDEO) Audi Q3 2020: novo até no nome

BMW X1 e Volvo XC40 que arregacem as mangas. A briga por posições, neste segmento, tem tudo para ficar mais dura com a chega do Novo Audi Q3. As mudanças do rival das quatro argolas vão muito além do nome. O SUV premium ganhou um design bem mais moderno e alinhado com atual identidade visual da Audi. Os faróis Full Led (de série em todas as versões), as rodas 19 polegadas e as setas dinâmicas (que piscam de dentro para fora) aumentam o charme.

Pra não gente não falar que é tudo novidade, a montadora pegou na prateleira o conhecido 1.4 TFSI com injeção direta de combustível, 150cv de potência e 25.5 kgfm de torque – entre 1.500 e 3.500 rpm. O motor dá conta do recado? Sim. Em conjunto com o câmbio de dupla embreagem e seis velocidades, ele faz de 0 aos 100 km/h em 9,3 segundos e com boa média de consumo. Durante o nosso teste, num misto de cidade e estrada, o Novo Q3 alcançou 11 km/l.

Apenas nas retomadas, acima dos 120 km/h, vem a constatação: o motor 2.0 TFSI certamente deixaria o SUV divertido. Mas, aí, os preços seriam outros. Lembrando que eles estão entre R$ 179.990 e R$ 209.990.

Das três versões, Prestige, Prestige Plus e Black, vamos nos concentrar na mais completa. Os bancos em couro e alcantara, com ajustes elétricos, e o Virtual Cockpit (painel 100% digital) deixam claro que estamos falando de um legítimo puro sangue alemão.

Pelo volante multifuncional e de base achatada, dá pra controlar praticamente todas as funções do computador de bordo e da rápida e nítida central multimídia. Caso olhe para cima, poderá curtir o sol ou as estrelas através do teto solar panorâmico – opcional, por R$ 8.000, na versão Prestige Plus.

Se quiser um Q3 mais exclusivo, você pode mandar instalar um pacote de iluminação interna customizável, por R$ 3.500, e um acabamento em alcantara no painel e nas portas, disponível nas cores laranja, marrom e cinza por outros R$ 4.000. Ah, o controle de cruzeiro adaptativo e o sistema de frenagem de emergência custam mais R$ 4.000 (o pacote).

Impossível falar de um SUV sem analisar o espaço interno. É ou não é? O entre-eixos de 2.680 metros garante conforto em todas as fileiras de bancos, além de um generoso porta-malas de 340 litros – 70 litros a mais do que a geração anterior. Você ainda abre e fecha o compartimento usando a chave ou, simplesmente, simulando um chute na parte de baixo do para-choque traseiro.

A suspensão merece elogios. Agora, ela copia sem esforço as imperfeições da estrada (seja de asfalto ou terra), sem perder a esportividade. A sensação é de que o SUV está sempre na sua mão. Mesmo assim, caso alguma coisa saia do previsto, os controles de tração e estabilidade atuarão para garantir a sua segurança e de quem estiver com você. Na pior das hipóteses, ainda há 6 air bags de série, em todas as versões.

Se quiser saber mais sobre o Novo Audi Q3, clique nesse vídeo. Em breve, vamos postar uma avaliação com mais pontos positivos e negativos. Aguarde!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Comentários