Última Marcha

(Vídeo) O Fiat Pulse chegou … e já aceleramos

O que separa um veículo, na maternidade, de ser um hatch ou um SUV? A altura livre do solo, o ângulo de entrada e de saída? Para o Inmetro, é basicamente assim. Uma brecha e tanto para as montadoras investirem muitos esforços nesse segmento. Diga-se de passagem, em franco crescimento.

Quem entrou no jogo, mesmo aos 45 do segundo tempo, é a Fiat com o Pulse. O modelo acaba de ser lançado e tem, como principais atributos, o motor 1.0 turbo mais potente da categoria, com 130 cavalos, capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 9,4 segundos, o novo câmbio CVT e várias tecnologias bem interessantes.

O Pulse é bonito e bem agradável de dirigir. Quem negar não conhece de carro. Ele, também, faz o dever de casa em terrenos off-road. Não estamos falando de trilhas, obviamente, mas de estradão de terra e buracos que, infelizmente, tomam conta do nosso Brasilzão.

Confira o nosso vídeo com as primeiras impressões sobre o Pulse

Bom, o Pulse ainda vem com central multimídia, de 8,4 ou 10,1 polegadas, com conexão ao Apple CarPlay e Android Auto sem fio e conexão à internet. Ela permite até pedir comida, pela tela de alta definição, e pagar multas de trânsito. Facilidades do novo aplicativo Cart.

Tem mais! O Carro pode ser parcialmente controlado pelo Fiat Connect////Me. Dá pra saber a localização, abrir e fechar as portas, checar o nível de combustível, dar a partida no motor e mais algumas conveniências. Parece besteira, mas você acostuma fácil, fácil.

O nível de equipamentos, claro, muda bastante de versão para versão. No entanto, nas mais completas, o motorista terá segurança reforçada. Na lista, assistente de permanência em faixa, alerta de colisão frontal, frenagem autônoma de emergência, além dos controles de tração e estabilidade e quatro airbags. O ar-condicionado digital e automático, além dos faróis e lanternas em LED também são de série.

Traseira do Fiat Pulse

Para agradar todos os tipos de públicos (e bolsos), a Fiat colocou motor 1.3 aspirado, com câmbio manual, na versão de entrada, Drive, e deixou o badalado 1.0 turbo para a família mais completa do Pulse (Drive Turbo, Audace e Impetus). Quem pagar a mais ainda leva o painel de instrumentos 100% digital e rodas 17 polegadas.

Tudo isso é muito legal e a dirigibilidade do Pulse realmente agradou. Os poucos deslizes ficam por conta do porta-malas, com apenas 370 litros, da ausência de freio a disco nas rodas traseiras e do espaço interno limitado. Com 2,53 metros de entre-eixos, o carro acomoda o motoristas e os passageiros bem ao estilo do irmão Argo. Para ser realmente um SUV, talvez, tenha faltado um pouco mais de vitamina. Mas cá entre nós, o Pulse tem tudo pra vender muito. Pode apostar.

Interior do Fiat Pulse (versão Audace)

Confira as versões e preços:

DRIVE 1.3 FLEX MANUAL – R$ 79.990

DRIVE 1.3 FLEX AUTOMÁTICA – R$89.990

DRIVE TURBO 200 FLEX AUTOMÁTICA – R$ 98.990

AUDACE TURBO 200 FLEX AUTOMÁTICA – R$ 107.990

IMPETUS TURBO 200 FLEX AUTOMÁTICA – R$ 115.990

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments