Última Marcha

CHEVROLET EQUINOX MIDNIGHT: Testamos a versão com motor 1.5 turbo

Que o Equinox 2.0 anda um absurdo a gente já sabe. Nós já testamos e aprovamos o modelo topo de linha com 262 cavalos de potência, que leva qualquer família rapidamente a qualquer lugar. Porém, potência é algo que nem todos são aficionados, já o design é algo que sempre agregou compradores. Pensando nisso, a Chevrolet embarca em suas versões de entrada o motor 1.5 turbo e deixa o preço do Equinox mais competitivo.

Agora o SUV americano aparece em 4 versões: LT, Midnigth, Premier, com motor 1.5 e fecha a lista a já conhecida Premier com motorização 2.0. Nós fomos até o campo de provas da GM testar a versão Midnigth, que deve ser responsável por uma grande fatia de vendas.

A versão dark do modelo é baseada na LT. Como o nome dá a entender, o modelo tem vários detalhes em preto, além da cor da carroceria. As grades, retrovisor, rodas 19 polegadas, maçanetas e até a gravata da Chevrolet, aderiram o estilo gótico. Alguns pequenos detalhes em cromado estão presentes, como moldura dos vidros e o hack no teto, que poderiam ser em black piano também, já que esse é o ‘tcham’ da versão. Além dos detalhes estéticos, o modelo tem multimídia com My Link de 8 polegadas, ar-condicionado digital duas zonas, chave presencial, sensor crepuscular, banco do motorista com ajuste elétrico e freio elétrico de estacionamento.

A direção do Equinox Midnight é elétrica.

O carro é bem confortável com tudo no lugar. Espaço pra quem vai atrás dá e sobra, com direito a saídas de ar-condicionado e duas entradas USB para carregar os celulares e, como se não bastasse, ainda tem uma tomada 12 volts. O porta-malas tem 468 litros.

Bancos e volante são revestidos em couro.

O motor 1.5 de 172 cavalos e 27.8 kgfm de torque da conta do recado. Nesse motor, o câmbio é de 6 velocidades, e não 9, como na versão 2.0. Com isso as trocas ficam um pouco mais lentas em relação a versão mais cara. Mas o desempenho é bastante satisfatório e o condutor não passará dificuldade em ultrapassagens na estrada com a família. O conforto da suspensão chama atenção, os pisos irregulares do campo de provas da GM parecia ser um asfalto liso.

Motor 1.5 de 172 cavalos e 27.8 kgfm de torque.

O SUV faz de 0 a 100 km/h em 9,2 segundos.
Em relação ao consumo, os números são bons: 9,5 km/l na cidade e 11,7 km/l na estrada a gasolina, o motor 1.5 não é flex.

No quesito segurança, airbags frontais, laterais e de cortina, assistência de frenagem de emergência e controle de tração e estabilidade.
Vale lembrar que a versão Midnigth tem tração dianteira, a tração integral está presente apenas nas versões Premier, seja 1.5 ou 2.0.

Detalhes da versão Midnigth

O Equinox na versão Midnigth chega custando R$ 131.990. Seus maiores concorrentes são Tiguan com motor 1.4 e Peugeot 3008, com seu conhecido motor 1.6 THP.

Preços de todas as versões:
Lt: R$ 129.990
Midnight: R$ 131.990
Premier 1.5: R$ 154.990
Premier 2.0: R$ 162.990

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Notícias

Comentários